MENU (11)

Acontece - Jao 「LETRA」

Talvez quando eu te encontrar de novo
Eu já não seja o mesmo moço, e você não se sinta igual
Um papo de palavras reduzidas
"E aí, como 'tá tua vida? Legal"


Acontece 「LETRA」 - Jao

Talvez quando eu te encontrar de novo
Eu já não seja o mesmo moço, e você não se sinta igual
Um papo de palavras reduzidas
"E aí, como 'tá tua vida? Legal"

[Pré-Refrão 1]
E a minha graça, tu já não entende
Esse teu olho é um olho diferente
Não que isso seja ruim
É que eu ainda lembro da gente assim

[Refrão 1]
Nós dois no carro, embolados daquele jeito


A nossa música no rádio dentro do teu peito
Não me esquece, não me esquece
O que o amor vira quando chega o fim?
É só que dói um pouco quando eu lembro assim
Mas enfim, acontece

[Verso 2]
Meu Deus, quando eu te encontrar de novo
Eu vou te dar um beijo solto desses intercontinentais
Quem sabe o gosto não te lembra ontem
Quando eu te levava pra, pra casa dos teus pais

[Pré-Refrão 2]
Mas minha graça tu já não entende mais


Esse teu olho é um olho diferente e em paz
Não que isso seja ruim, tanto faz
É que eu ainda lembro da gente na beira do caos

[Refrão 2]
Nós dois suados e o bairro todo tão sem jeito
As minhas roupas no armário sentem falta do teu cheiro
(Ooh) Do teu cheiro (Ooh)
O que o amor vira quando chega o fim?
É só que dói um pouco quando eu lembro assim
Mas enfim, mas enfim, acontece

[Saída]
O que o amor vira quando chega o fim?


É só que dói um pouco quando eu lembro assim
Mas enfim, acontece